ASA realiza entrega de 301 cestas básicas e kits de higiene durante os meses de abril e maio

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

                                           ” Tive fome e me destes o que comer “

A pandemia potencializou diversos problemas sociais existentes no Brasil. Segundo o
Observatório do Terceiro Setor, há no Brasil 14 milhões de famílias em situação de extrema
pobreza. Essa condição assustadora devolve o país para o mapa da fome, lista que o Brasil
levou uma década para sair. Essa situação impressiona ainda mais, porque o Brasil já foi
referência no combate contra a fome: até o ano de 2011 fomos líderes do ranking
promovido pela ONG ActionAid, que mede o progresso de países em desenvolvimento no
combate contra a pobreza.

Com objetivo de firmar parcerias com instituições que fazem parte do seu guarda-chuva,
bem como contribuir para que esse número seja cada vez menor, a Ação Social
Arquidiocesanaa (ASA) vem realizando, desde o início da pandemia, doações de cestas
básicas. Neste ano de 2021, entre os meses de abril e maio, foram entregues 302 cestas
básicas e kits de higiene, entre 31 instituições de Salvador e região metropolitana.

 

Para a Assistente Social da ASA, Elânia Amaral, essa ação é uma resposta ao chamado de Jesus. ”Além de diminuir o impacto da fome durante a pandemia,essa ação é a
oportunidade de responder o chamado de Jesus, no qual Ele diz: ‘Tive fome e me destes o
que comer”

 

Veja Também

ASA realiza entrega de 301 cestas básicas e kits de higiene durante os meses de abril e maio

A Asa realiza o quinto encontro da coordenação de Rede Asa

Pastoral Afro realiza Diálogo Interativo

Pastoral da Sobriedade

Projeto Levanta-te e Anda

Pastoral Povo de Rua